31 de out de 2012

110 anos de Carlos Drummond de Andrade

Carlos Drummond de Andrade nasceu em Itabira, Minas Gerais, no dia 31 de outubro de 1902. Faleceu aos 84 anos, em 17 de agosto de 1987.

Fui apresentada a Drummond, no ano de seu centenário em 2002. Na época eu tinha 10 anos, e fiquei fascinada com o mundo novo que estava conhecendo, o mundo da poesia. Era tudo surpreendente e encantador. Naquele ano, a escola em que eu estudava, fez uma série de homenagens a Drummond, onde organizaram também um recital. Eu recitei o poema "Confidência do Itabirano", que hoje_ um dia tão importante para o Brasil, para o mundo, deixo aqui pra vocês.


Confidência do Itabirano
                            Carlos Drummond de Andrade


Alguns anos vivi em Itabira.
Principalmente nasci em Itabira.
Por isso sou triste, orgulhoso: de ferro.
Noventa por cento de ferro nas calçadas.
Oitenta por cento de ferro nas almas.
E esse alheamento do que na vida é porosidade e comunicação.

A vontade de amar, que me paralisa o trabalho,
vem de Itabira, de suas noites brancas, sem mulheres e sem horizontes.

E o hábito de sofrer, que tanto me diverte,
é doce herança itabirana.

De Itabira trouxe prendas diversas que ora te ofereço:
esta pedra de ferro, futuro aço do Brasil,
este São Benedito do velho santeiro Alfredo Duval;
este couro de anta, estendido no sofá da sala de visitas;
este orgulho, esta cabeça baixa...

Tive ouro, tive gado, tive fazendas.
Hoje sou funcionário público.
Itabira é apenas uma fotografia na parede.
Mas como dói!

Juliene Farnez

3 comentários:

  1. Não acredito que fui em Itabira e não visitei a casa do Carlinhos, até hoje fico indignada com isso! kkkk
    Salve salve Drummond!

    PS: Jeter Neves é vc? :p

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrsrs
      Carlinhos seu amigo íntimo neh Pam?! rsrsrs

      Salve mesmo o Drummond! Amo!

      Excluir
  2. Oi!
    Gostei do poema. Fiquei com vontade de conhecer Itabira. rsrrss

    Bjs
    Gabi Lima
    http://livrofilmeecia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir